Dizem as más línguas 9 – A Guarda Civil Municipal vem sofrendo perseguição política.

Una, 25 de Junho de 2011
Postagem: Di Rusciolelli
\n
Meus caros amigos e amigas leitores do blog. Hoje pela manhã eu procurei me informar com algumas pessoas o motivo pelo qual a Guarda Civil Municipal deu uma recuada em suas ações. Segundo o que me disseram está havendo uma perseguição política, por um determinado grupo de pessoas que estão até (pasmem senhores e senhoras) seguindo com câmeras fotográficas para filmar e sacar fotos para fazerem denúncias no Ministério Público. 
\n
Somos sabedores do excelente papel que a Guarda vem prestando em nossa cidade, muitas vezes fazendo o papel de polícia. E essas pessoas que estão perseguindo a Guarda são elas que um dia pretendem chegar ao poder.
\n
Pessoal ser oposição a um grupo político ou ao prefeito que está no poder é uma coisa, agora você ser oposição ao bem estar das pessoas da cidade aí é demais.
\n
A Guarda Civil Municipal de Una é uma das melhores ações desse governo de Dejair, que eu sou contra, sou totalmente contra, mas não sou contra algumas ações que o governo faz. O investimento que a atual gestão fez na Guarda, foi em minha opinião, se não o melhor um dos melhores. Nossa cidade é uma cidade fácil na mão de criminosos que vem de fora e até nascem aqui. Se a Polícia Civil tem suas falhas e poucos agentes, se diz o mesmo da Polícia Militar, a Guarda então vem para reforçar esse aparato de segurança. E os caras ficam perseguindo, armando emboscadas para a Guarda, no sentido de pegá-los fazendo alguma tarefa que não lhes cabe.
\n
Sei muito bem que a função máxima dos guardas é fazer a guarda do patrimônio público, escolas, parques, monumentos, etc. E que eles não podem andar armados, não defendo que eles andem armados. Mas sou a favor de que haja um treinamento especifico para os guardas, em geral, para que os mesmos ou possam usar armas letais ou não-letais, como armas de borrachas, ou arma de choque, spray de pimenta.. enfim, aparatos que possam dar segurança a eles e a nós, comunidade em geral.
\n
No país, existem 800 companhias de guardas municipais, o que representa um total de 80 mil trabalhadores. E o debate do uso de armas de fogo está bem acirrado na sociedade em geral.
\n
Sou ciente de que não é papel da Guarda correr atrás de suspeito, de que não é papel da guarda revistar pessoas suspeitas, pois isso é ação da polícia. A função da guarda é com a sua presença física uniformizada e armada, coibir o crime. Mas no minha ignorância de cidadão, vejo sim como o papel da guarda de, no popular, chegar junto mesmo. De agir para o bem da cidade.
\n
Pois então sou totalmente contra a perseguição do pessoal da Guarda, deixem eles fazerem o trabalho deles. Claro que os mesmos não podem extrapolar, e devem ser conscientes do papel deles na sociedade.
\n
Uma coisa é certa, por causa desse grupo político que está perseguindo o pessoal da guarda, a mesma vai está mais recuada, e vai infelizmente, ficar limitada só a zelar pelo patrimônio público. O que é ruim para a sociedade em geral, pois o aparato de polícia em nossa cidade sofre com o descaso do estado, do número pequeno de policiais e, não poderá sozinha, atender a toda população da cidade e seus distritos.

\n

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *