UNA: Muro de escola municipal cai dentro da casa de moradores

Os vizinhos de fundo da Escola Municipal Liberalino Barbosa Souto foram surpreendidos com um deslizamento de terras e queda do muro da escola dentro de sua casa. Com as fortes chuvas do final de semana o terreno que estava assentado o muro  da escola cedeu e derrubou o mesmo na varanda e no fundo da casa. Chegou a causar grandes danos estruturais na casa da moradora e derrubar parte da parede interna do quarto de seu filho.
Os donos da casa, que preferiram não se identificar, nos disseram que o problema já persiste há mais de dois anos, e que todos os responsáveis da prefeitura, desde pedreiros até a prefeita já sabiam, estiveram lá e nada fizeram. A proprietária ainda nos falou que tomou um baita susto “estávamos deitados já quando escutei o estrondo. Parecia que o mundo tava acabando. O muro foi todo na minha porta. Pra nossa sorte o susto não foi maior porque meu filho estava na casa da tia”, afirmou ela revoltada com a situação e o descaso.
Hoje pela manhã quando chegamos na localidade vários  pedreiros da prefeitura estavam por lá tentando tirar os escombros e irão tentar refazer o muro.
QUARTO DA CRIANÇA COM PAREDE DESTRUIDA

8 Responses to “UNA: Muro de escola municipal cai dentro da casa de moradores”

  1. Anônimo

    Olâ Di,
    Soube que esta Escola foi concordada a ser fechada há dois anos atras pela Secretaria de Educação e Prefeitura Municipal de Una por motivo de instalação e estrutura como também ociosidade de vários servidores e poucos alunos. Mas professores fizeram protesto e não fechou.

  2. Anônimo

    a gente que saber se rita teles vai tomar a mesma medida com a sua cunhada

  3. Anônimo

    TODO MUNDO NÃO QUER QUE FECHE. OS FUNCIONÁRIOS, A DIRETORA, OS PAIS.

  4. Anônimo

    FEICHAR A ESCOLA É TUDO QUE DIABA QUER NÃO DEIXE FEICHAR TEM VERBA

    • Anônimo

      num pode deixar feixar entao deixe a estrutura cair em cima dos alunos

  5. Anônimo

    todo mundo sabe que a dajuda é contratada e tem varias coisas que contratado não deveria ter tá fazendo com tanta coisa com gente deveria ver a cunhada dela também

  6. Anônimo

    Gente! Vamos nos unir! Chamar os Sindicatos, professores, alunos, pais para procurar um engenheiro para verificar a veracidade da historia da Secrt. de Educação, que a escola está condenada. O que não podemos é ficar de braços cruzados e deixar estas pessoas fazerem o que quer. Já está incomodando a todos nós, profissionais da educação todos trabalhando com a cabeça cheia de tanta maldade. Temos que averiguar. Não podemos deixar que tudo caia e machuquem pessoas, seres humanos se é que está realmente condenado. Vem uma pergunta: quem está pensando realmente na qualidade de vida destes alunos funcionários e comunidade?
    E a qualidade na educação? Onde fica? Quem está perdendo é o aluno que está sem aula até hoje e funcionários desnorteados em tempo de ter um AVC, Infarto etc. Qual o interesse de fechar esta escola? Como pode haver tanta mudança em pleno meio de ano? Não percebeu que de melhorar está bagunçando, desarrumando tudo? Pelo amor de Deus responsáveis, solução é o que pedimos!!! Desabafo de um pai desesperado pelo filho ter que pagar por tanta irresponsabilidade!!! E ainda fico sabendo que professores humilhados com seus salários cortados, recebeu de 20 horas só uma parte sem nenhum aviso. E que vai tirar 20 horas das aulas complementares. Sindicato tome pé disso e ajude. O que está acontecendo prefeita? Una parou!!! Lagrimas!!!

  7. Anônimo

    Socorro, socorro, socorro meu Deus! O que estas mulheres estão fazendo com a nossa cidade? Com o nosso povo? Ajude-nos!

Comentários fechados.