POLICIAS CIVIS REALIZAM PROTESTO EM ILHEUS NESTE SÁBADO

policiacivilformacao30O Sindicato dos Policiais Civis do Estado da Bahia – Sindpoc convida a sociedade civil e familiares de vítimas de assassinatos para denunciar e exigir do governo investimentos na Segurança Pública.

– Denunciar a falência do Programa Pacto Pela Vida (ou Pacto Pela morte).
– O sucateamento da Polícia Civil na Bahia, sem servidores ( mais de 160 municípios), viaturas, combustível, internet, sem computador, cartucho, impressora.

Protesto das cruzes – dia 05/11/2016, às 08:00hs – Praça da Catedral de Ilhéus

Concentração para passeata das principais ruas do centro.

A Bahia é bicampeã em homicídios do Brasil (2014, e 2015), com 6.338 assassinatos em 2015.
Somente em Ilhéus e Itabuna, 193 pessoas foram assassinadas.

Foram contratados 400 Policiais, mas, cerca de dois mil estão saindo por aposentadoria. A Polícia Civil tem hoje 7.500 efetivos na Bahia, quando o ideal seriam 12.500 Policiais Civis.Esse desmonte da Polícia Civil fez aumentar a sensação de impunidade e os índices de criminalidade saíram do controle.

A Polícia Civil que investiga e elucida os crimes apontando autoria e materialidade, está sem efetivo, tendo menos de 20% de elucidação a cada 100 homicídios cometidos. O roubo de veículos, celulares, explosões de caixas eletrônicos, assaltos à coletivos e taxistas estão fora do controle, denuncia Eustácio Lopes, vice presidente do órgão sindical


6 Responses to “POLICIAS CIVIS REALIZAM PROTESTO EM ILHEUS NESTE SÁBADO”

  1. Everaldo Pinto Bidu

    A nossa policia esta realmente abandonada, precisamos Ser mais respeitados,onde o Governo esquece que a comunidade está sofrendo arretalheações de marginais e a corporação sem um armamento adequado. O Sindipoc tem todo apoio da corporação.

  2. Saulo

    Bom dia,

    Gostaria De expressar o Meu descontetamento com a gestao do atual governo, pois a seguranca publica clama por socorro e Rui Costa nao tem coragem De convocar 47 ESCRIVAES de Policia Civil que estao aprovados e ja fizeram o curso De formacao. Ademais, eles nao sao excedentes estao dentro do numero De vagas ofertadas pelo proprio Estado. Isso e um grande desrepeito com a sociedade e com a propria policia. A Bahia estar se “afogando” na criminalidade e o minimo o Estado nao que fazer, ou seja, convocar os aprovados. Espero que nas proximas eleicoes os baianos nao se esquecam disso.

  3. Flávia Costa.

    Essa é a triste realidade que devemos combater. Entretanto, o Governador do Estado da Bahia, para piorar a situação, deixou de nomear 47 escrivães e 63 delegados, referente ao concurso da PCBA/ 2016, os quais fizem cursos e formação e estão aptos a trabalhar. É lamentável.

  4. Vianca

    An inleitlgent point of view, well expressed! Thanks!

  5. Kethan

    Hey, that’s a clever way of thninikg about it.

  6. Clarinda

    Ya learn sontmhieg new everyday. It’s true I guess!

Comentários fechados.