Celulares continuam explodindo mundo a fora – Vejam vídeo e confiram dicas de como evitar que o seu smartphone exploda

A cada ano os celulares ficam mais finos e poderosos. Hoje em dia são uma parte essencial da vida de muita gente. É quase impossível uma pessoa normal, não ter um celular e que não esteja com vontade de comprar outro mais moderno, devido aos mais recentes lançamentos do mercado.

\r\n

O problema é que, para alimentar toda a utilidade e fazer rodar, cada dia, programas e dados mais complexos, os celulares, ainda, precisam de baterias que, por serem o que são, muitas vezes são instáveis.

\r\n

Além do número cada vez maior de smartphones no mercado, casos de dispositivos que explodem do nada, também aumentam no mundo.

\r\n

Episódios como o da Samsung com o Galaxy Note 7, (vejam aqui)  por exemplo, mostram como uma falha de design e fabricação podem acentuar o problema. O problema é esses fatos não são isolados e seguem acontecendo. Recentemente um vídeo divulgado na Indonésia, mostra um celular que explode dentro do bolso do rapaz. Na gravação, se percebe que o rapaz começa a sentir o celular esquentar no bolso da sua camisa. No momento em que ele tenta pegar o aparelho e procurar saber o que está acontecendo, é surpreendido pela explosão do produto. A explosão acertou em cheio o peito, o rosto e uma das mãos do rapaz. Rapidamente as chamas do aparelho se transformam em verdadeiras labaredas, e se percebe o rapaz assustado, tentando tirar a blusa em chamas.

\r\n

Vejam o vídeo:

\r\n

\r\n

Dicas que podem evitar um susto grande e salvar sua vida

\r\n

Carregadores

\r\n

Entenda que os carregadores de celular funcionam como um transformador de energia. Eles alternam a corrente diminuindo  a energia que passa da tomada para o aparelho. Portanto, fiquem atentos aos carregadores de celular quando começam a apresentar defeitos. Um mau funcionamento pode causar explosão.

\r\n

Por isso, tratem  bem o seu carregador, para evitar que ele sofra danos conforme o tempo de uso. às vezes, fios internos se rompem e os cabos também.

\r\n

Chequem a instalação elétrica de suas casas

\r\n

Um dos cuidados que poucos levam em consideração é o estado das instalações elétricas de suas residências. Casas mais antigas, geralmente, costumam ter fios e cabos que conduzem a energia, bastante danificados e desgastados, devido o tempo. Portanto, saber o estado real da fiação de energia de sua casa é um fator primordial para prevenir acidentes.

\r\n

Não exponha o celular ao calor\r\n\r\nEvite andar muito tempo com o celular no bolso, principalmente se usar as famosas “meias de celular” feitas de tecido. Procure também não deixá-lo exposto ao sol, no painel do carro, perto do fogão ou microondas.

\r\n

Evite a umidade\r\n\r\nA umidade é uma grande inimiga da sua bateria. Evite levar o celular para o banheiro durante o banho, por exemplo, ou deixar o aparelho parado na praia ou próximo de alguma piscina. Não pegue o aparelho com a mão molhada enquanto ele está ligado à tomada, pois isso pode ocasionar choque.

\r\n

Fiquem atentos ao tempo certo na tomada\r\n\r\nProcure desconectar o celular da tomada assim que ele der o aviso de bateria carregada. Deixá-lo ligado à corrente por muito tempo pode diminuir a vida útil e levar a defeitos posteriores. Da tomada para fora A maioria dos incêndios em residências, afirma o representante da Abracopel, ocorre pela sobrecarga na instalação elétrica. Um dos “vilões” é o benjamim, acessório multiplicador de tomadas. Com cuidados básicos e seguindo essas dicas, você pode usar o seu aparelho livre de preocupações.

\r\n

\r\n

Usem acessórios originais

\r\n

Mesmo que mais caros, procure sempre acessórios que sejam originais. É comum encontrar à venda carregadores e baterias “alternativos”, em geral mais baratos que os originais. O problema é que alguns desses produtos não seguem normas de segurança e padrões técnicos do Brasil. Alguns casos de explosão da bateria são causados por defeitos de fabricação. Por isso, diminua a chance de um acidente ocorrer escolhendo uma marca confiável e com um bom histórico de suporte ao consumidor.


Comentários fechados.