Nildo Som participa de audiências em busca de investimento para Una

VIce prefeito reeleito de Una Nildo Som e a Deputada Estadual Fabíola Mansur
Vice prefeito reeleito de Una Nildo Som e a Deputada Estadual Fabíola Mansur

WhatsApp Image 2016-10-13 at 20.08.42O vice-prefeito Nildo Som (PSB), que foi eleito na chapa do prefeito Tiago de Dejair, participou de uma série de audiências nesta quinta-feira (13) em Salvador, em busca de recursos para o município. Nildo se encontrou com os seus correligionários deputado federal Bebeto Galvão (PSB) e deputada estadual Fabíola Mansur (PSB) e relatou sobre a difícil situação do município, que está com diversas obras inacabadas, hospital e postos de saúde em condições precárias e escolas sucateadas. O encontro reuniu diversos prefeitos e vice-prefeitos eleitos que compõem a base de Bebeto e Fabíola. No seminário, discutiram sobre a situação dos municípios e elencaram as prioridades de cada cidade para a destinação das emendas parlamentares e também para cadastrar o município nos projetos e programas estruturantes do governo federal. Nildo ficou satisfeito com o resultado das atividades, pois teve a oportunidade de detalhar a realidade de Una e desta forma atrair investimentos.

“Fabíola destinará emendas pelo governo do Estado, além de buscar outros recursos estruturais e reforçar o serviço de saúde, sua principal área de atuação. Já Bebeto enviará mais emendas da sua cota individual, além de se debruçar na tramitação de projetos que iremos formular para reestruturar a cidade. Os dois deputados reafirmaram compromisso com o mandato que é capitaneado pelo prefeito recém eleito, Tiago de Dejair. “Estou muito satisfeito, estamos somando esforços para conseguir enfrentar esse momento de crise, pois nessa circunstância de dificuldade, ninguém consegue governar sozinho”, declara Nildo.


Agência dos Correios em Una pode fechar – Entenda o caso

 

Agência dos Correios em Una - Foto retirada do Google Maps
Agência dos Correios em Una – Foto retirada do Google Maps

nYDer5dHoje pela manhã (13), as redes sociais dos unenses começaram a circular uma informação de que a agência dos Correios na cidade poderia vir a ser fechada.

Ainda não se sabia a veracidade dessa informação. Nosso site começou uma busca por informações, primeiro, pesquisou em sites na internet para ver se o governo federal, maior mantenedor do órgão público-privado, estaria promovendo algum corte de despesas e por isso a agência local estaria sendo fechada.

Não encontramos nada do tipo.Então, entramos em contato com uma das funcionárias da agência em Una, a senhora Silvia Vasconcelos, ela informou ao nosso site que iria entrar em contato com um de seus supervisores em Itabuna para prestar informações detalhadas.

Ao seguir com as investigações, descobrimos que o motivo do problema seria o ponto ao qual a agência está localizado, que pertence ao funcionário público municipal Natan Mendes, diretor da Câmara de Vereadores da cidade. Em contato com nosso site, Natan nos disse que iria expor a situação em sua página pessoa no facebook. Tudo isso porque os boatos já estavam fortes.

Segundo Natan, o governo federal não repassa o valor do aluguel do ponto comercial há mais de 15 meses e, de repente, para poder quitar as dívidas, eles começaram a exigir uma  série de documentos e reformas por parte do proprietário do ponto. Algumas foram feitas por ele, porém, agora eles voltam a exigir reformas, mas os repasses do aluguel continuam sem acontecer. Ainda em seu facebook, Natan informou que foi orientado a entrar com uma ação na justiça, porém ele entende que essa seria a maneira mais demorada de receber e não queria criar transtornos. Ele diz ainda que está disposto a realizar parcerias para que a agência não possa ser fechada, pois entende a necessidade dos unenses.

Nosso site ainda recebeu informação de que alguns moradores da cidade de Una começam a se mobilziar para evitar o fechamento da agência.

Antes do fechamento dessa matéria, o nosso editor, o jornalista Di Rusciolelli recebeu a informação extra oficial de funcionários da agência regional em Itabuna, que é para a população de Una ficar tranquila que a agência dos Correios não irá fechar. Porém, a informação ainda precisa ser confirmada pelo diretor regional que se encontra em viagem. Vamos ficar aguardando.

Confiram abaixo na íntegra o depoimento do senhor Natan Mendes:

“OS CORREIOS EM UNA.

Como começar a informação. Não sei, más vou tentar…
Mantenho bilateralmente um contrato de alugues, do prédio de minha propriedade, com os CORREIOS. Essa parceria, já dura mais de 20 anos. Jamais houve problema algum. Com a reeleição do Governo Federal, as coisas começaram a ficar ruim e consequentemente as relações com os CORREIOS A/C DE UNA, também. Todo dia era um pedido de documentos e outro dia outra documentação, e nada de mandarem o contrato pra assinaturas, que no caso de contrato de aluguel comercial, o prazo estabelecido é de no mínimo 5 cinco anos.

Desde maio de 2015, cessaram os depósitos (pagamentos) na conta, no HSBC agência de Ilhéus. Todos amigos, me imputavam uma tomada de posição pra acionar a Justiça e receber os meses atrasados através de uma ação de Execução. Não quis assim, mesmo pq iria causar danos a todos os usuários e à própria Instituição de economia mista, ainda mais, que seria, uma ação, na Justiça Federal. Depois de analisar a situação toda, informei à Dona Silvia, funcionaria responsável pela A/C de Una, que preferia receber, os meses em atraso, más sem intervenção judicial.

Eu já sabia das dificuldades dos Correios, em outras cidades, porém, me resignei em esperar a decisão deles. Solicitaram, que eu providenciasse um profissional em construção pra fazer as devidas reparações. O que por mim foram realizadas apenas as exteriores, como; Troca de canos, reparo na frente, troca de canos de esgotos e maior segurança na parte dos fundos. As reformas internas, como troca de algumas pedras de cerâmicas e pinturas, não é da minha obrigatoriedade realizar, mesmo pq quem está usando o imóvel há tanto tempo é a empresa da A/C de Una.

Lamentavelmente, ontem, Dona Silvia, me informou através de comunicado, que a empresa CORREIOS corre sério risco de fechar as portas na nossa cidade. Eu lamento muito, e confesso, que não é por mim. Isso é apenas, uma ameaça de tomada de posição dos CORREIOS, de modo unilateral. Dona Silvia, me consultou, se ela poderia fazer, um movimento, pra promover a reforma, o que prontamente aceitei. É o que tenho no momento, pra esclarecimentos. Natan.”

natan
Imagem congelada retirada do perfil pessoa do Natan Mendes

Vereadores apresentam moção de repúdio contra blog Una na Mídia

Retirado do Una News

Vereadores de Una legislatura 2013 - 2016 - Foto retirada de matéria do Atitude em Una em 2013
Vereadores de Una legislatura 2013 – 2016 – Foto retirada de matéria do Atitude em Una em 2013

Os vereadores do Poder Legislativo do município de Una, Sul da Bahia, apresentaram e aprovaram na sessão desta terça-feira (11), Moção de Repúdio contra o blog Una na Mídia, que foi aprovada por unanimidade pelos parlamentares presentes.

Os vereadores justificam a Moção pelo comportamento do blogueiro Renê Sampaio, está usando seu veiculo de comunicação de forma ofensiva, e pejorativa  denegrindo a imagem  do Poder Legislativo, publicando matérias inverídicas e afetadas, e  sem nenhum fundamento quanto a realidade do  processo de tramitação de matérias, além de atentar contra a honra e  conduta de todos os membros da Casa Legislativa. (em PDF, cópia da moção: Clique Aqui).

Confira abaixo a íntegra da moção:

MOÇÃO DE REPÚDIO

A Câmara Municipal de Una, Estado da Bahia na forma estabelecida, no seu Regimento Interno vem, através dos Vereadores que abaixo subscrevem apresentar:

                       MOÇÃO DE REPÚDIO ao Sgtº. RENÊ SAMPAIO MEDEIROS editor do BLOG UNA NA MÍDIA, em razão do mesmo está usando seu veiculo de comunicação de forma ofensiva, e pejorativa  denegrindo a imagem  do Poder Legislativo Unense,  publicando matérias inverídicas e afetadas, e  sem nenhum fundamento quanto a realidade do  processo de tramitação de matérias, além de atentar contra a honra e  conduta de todos os membros da Casa Legislativa, incitando  a população unense a depreciar o valor da história,  o prestigio e o respeito de aproximadamente um século que a comunidade  nutre  pela Edilidade  Municipal.

Os vereadores do Município de Una, também, são eleitos em sufrágios  estabelecidos pela Constituição Federal e pela Lei  eleitoral nº 9.504, em todo território nacional, de 4  em 4 anos, de livre e democrática escolha, dentre os munícipes,  os legítimos representantes de uma   sociedade  consciente e soberana.

Diante dos fatos acima elencados, o  Poder Legislativo Unense  requer  do Sr. Renê Sampaio, a devida retratação, ficando o mesmo ciente da decisão, a partir da publicação desta.

Dê-se ciência ao Sr. Sgtº PM. Renê Sampaio Medeiros, e ao Comando Geral da Polícia Militar do Estado da Bahia.

Sala das Sessões, da Câmara Municipal de Una Estado da Bahia, 11 de Outubro de 2016.


Vem aí o I Campeonato Evangélico de Futebol em Una

WhatsApp Image 2016-10-12 at 12.06.59
Alô galera no dia 23 de outubro vai começar o I CAMPEONATO DE FUTEBOL AMADOR DAS IGREJAS EVANGÉLICAS.

O campeonato acontecerá no Estádio Municipal de Una.

A realização do evento fica a cargo das Igrejas Evangélicas de Una em parceria com a Liga Desportiva de Una – LDU e tem o apoio da Federação Bahiana de Futebol.

A Comissão Organizadora agradece desde já.

COMISSÃO: Kalinco Malta Ramos, Victor Triindade, Enivaldo Borges Milinho, Jacob e Edilson Sena Lôbo

Times participantes
Times participantes

FAVENI PROMOÇÃO MÊS DOS PROFESSORES

 

14686038_174158259701108_286635841_n

 

*Promoção válida para todo o mês de outubro; Válida para TODOS os cursos da área da educação – incluindo os cursos clínicos; promoção válida para alunos com todo o tipo de formação.

INFORMAÇÕES: (73)9-9921-9129 Fábio Fonseca (Enfermeiro)

(73)9-9986-1150 Adriano Monteiro

(73)9-9840-8045 Heverton

E-mail: [email protected]



10 de Outubro: Dia Nacional da Guarda Municipal – Parabéns a Guarda de Una

O dia de hoje foi de comemoração para a corporação da Guarda Municipal de todo país. Afinal, desde 2009 é comemorado o dia 10 de Outubro como o dia da Guarda Civil Municipal. Pouca gente sabe, mas é a guarda que tem um papel fundamental na instituição de controle social ostensivo para proteger os bens, serviços e instalações dos municípios. Elas são um alento no frágil sistema de segurança público do país. Em outros países como: Espanha, Bélgica, Portugal, Itália e França e Estados Unidos, as administrações municipais possuem forças maiores. Chegam a exercer o papel de polícia municipal e atuam na segurança dos cidadãos e de seu patrimônio.

Em 2014, a presidenta Dilma Rousseff sancionou, sem vetos, a Lei 1332/03, que regulamenta a criação e o funcionamento das guardas municipais no País. A nova legislação ratifica as normas previstas no Estatuto do Desarmamento (Lei 10.826/03), permitindo assim, que os integrantes dessas corporações pudessem utilizar arma de fogo nas capitais dos estados e em municípios com mais de 500 mil habitantes; e, quando em serviço, em cidades com mais de 50 mil e menos de 500 mil habitantes.

Porém, a Guarda Civil Municipal ainda não está presente em todo território nacional, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) dos 5.568 municípios do País, apenas 993 – o equivalente a 17,8% – possuem guarda municipal. E as cidades que dispõem da Guarda, nem sempre, oferecem as melhores qualidades para os profissionais e sua corporação como um todo.

Em Una, onde a guarda foi criada em 2005, os agentes vem sofrendo muito. Suas funções foram praticamente extintas, eles estão fadados a zelar apenas pelo patrimônio público, e recentemente, a prefeita da cidade disse isso em uma rádio. O que causou motivo de repulsa dentre a corporação. Nosso site já fez diversas matérias mostrando o descaso com a Guarda da cidade, a mais recente foi em Março desse ano, quando vimos a tampa do tanque de combustível ser segurada por uma sacola plástica de supermercado (revejam aqui). As principais reivindicações da categoria em Una, são a que eles custeiam seu fardamento,  eles mesmos compraram seus respectivos coletes à prova de bala, e não são todos que tem. Outras reivindicações são suspeita as queixas constantes de Assédio Moral dentro da Guarda, além de perseguição política contra funcionários que não vestiram a bandeira da atual gestora, quando há cursos, são eles que custeam os mesmos. Esses cursos, são em sua maioria com capacitação e especialização, e isso eles pedem também, uma formação continuada. Ainda, segundo eles, faltam postos de trabalho com condições mínimas de segurança para os mesmos, faltam Equipamentos de Segurança Individual as EPis, Estatuto com Plano de Cargos e Salários, além do cumprimento da Lei 13.022 de 08 de agosto de 2014.

Recentemente, um grupo de guardas entrou com uma representação no Ministério Público que acolheu a investigação das denúncias contra a atual gestora, essa matéria pode ser acessada no nosso site irmão, Una News (pode ser acessada clicando aqui).

Mesmo assim, apesar de tudo, nosso site gostaria de prestar uma homenagem a nossa Guarda Civil Municipal de Una, homens e mulheres que com louvor, prestam um excelente serviço para nossa comunidade. Que os anos vindouros os amigos e amigas possam ser tratados com mais respeito.


Livros perdidos, prédio abandonado – Retrato do descaso com a educação em Una

20161008_152833
A educação em Una pede socorro. Foto Di Rusciolelli

O atual governo que fechou mais de 20 escolas na cidade de Una, deixa mais um descaso no seu final. A escola municipal Liberalino Barbosa Souto, no Alto da Torre, que foi fechada há quase dois anos pela prefeita Diane Brito e a secretária de educação Leninha Cavalcante, está se deteriorando. A escola que funcionava com seis salas de aula, foi fechada após o incidente que ocorreu do muro do fundo cair sobre uma casa vizinha e quase matar uma criança, em janeiro de 2015 (revejam aqui essa matéria).

Nosso site adentrou ontem nas intermediações da escola, pois o portão da frente está aberto, aliás, quebrado, o portão que dá acesso a escola, já dentro do prédio, também está quebrado e o prédio está entregue. Segundo vizinhos da escola o local é utilizado por usuários de drogas e até casais apaixonados o utilizam como motel. A quadra, pelo menos isso, é utilizada por adolescentes e jovens para jogar bola.

Tudo na escola está perdido, desde pias, lâmpadas, portas, vidros, janelas, telhas, enfim, tudo. O prédio está sendo invadido pelo mato, e o pior de tudo, com as fortes chuvas, o telhado ficou cheio de buracos e chove mais dentro do que fora. Nosso site teve acesso as salas que foram fechadas que davam acesso ao antigo laboratório de informática, onde encontramos diversos livros que se perderam e material para o estudo da matéria. Além de também, o que nos deixou mais tristes, tivemos acesso a antiga biblioteca da escolinha, e lá vimos centenas de livros que se perderam por causa da chuva, no chão, nas prateleiras, enfim, um verdadeiro descaso e falta de comprometimento com a educação. Ao invés de crianças estarem estudando com os livros, os mesmos se perderam devido a inércia do atual governo.

As fotos abaixo em galeria foram retiradas de uma postagem de um funcionário público municipal em seu perfil no facebook:

Entrada da escola
Entrada da escola – foto Di Rusciolelli

Confiram o vídeo abaixo e as fotos. Esperamos que com a denúncia a secretaria de educação possa tomar alguma providência, já que não há mais tempo hábil para se funcionar a escola, ao menos retire os livros de lá, feche a parte do portão interno e deixe pelo menos a quadra para os meninos brincarem.

Confiram no vídeo abaixo um dos maiores descasos com a educação pública municipal::


A unense Claudia Santos segue brilhando Brasil a fora

received_992956130851251A unense Cláudia Santos brilhou no I Concurso ALAP Paranavaí Literária. Ela ficou em segundo lugar na categoria Poemas com o poema Eternizem-me. Em contato com nosso site, a poeta e autora nos disse que em breve estará disponibilizando o poema aqui no site Atitude em Una.

A academia de Letras e Artes de Paranavaí divulgou na noite de terça-feira (27) o resultado do I Concurso ALAP Paranavaí Literária. O evento foi realizado na sede social do Lions Clube de Paranavaí e teve a parceria da santa casa de Paranavaí. Concorreram 611 trabalhos procedentes de quase todos os estados. O concurso foi realizado em cinco categorias diferentes e na oportunidade foram escolhidos cinco trabalhos de cada categoria, declamados por equipes da Fundação Cultural de Paranavaí. Os textos foram enviados por escritores de várias regiões do país, sem o nome autoral e constando apenas um pseudônimo para critérios de análise.

Cláudia em um dos outros eventos que já participou na capital paranaense
Cláudia em um dos outros eventos que já participou na capital paranaense

Na categoria nacional segue os cinco trabalhos selecionados para receber uma menção honrosa, troféu e publicação na antologia da academia de letras:   POEMAS TEMÁTICOS SOBRE DOAÇÕES DE ORGÃOS (5 melhores da categoria nacional)

1 – VONTADE PÓSTUMA, de José Alberto Carvalho da Silva, da cidade de Manaus/AM

2 – ETERNIZEM-ME! De Cláudia Santos, da cidade de Curitiba/PR

3 – BIOMANIFESTO, de Eduardo F. F. de Abreu, da cidade de Cachoeiras de Macacu/RJ

4 – ANTÔNIMOS DA VIDA, de Daniely Araujo, da cidade de Corguinho/MS

5 – UM ÓRGÃO DOADO, de Arai Terezinha Borges dos Santos, da cidade de Campo Largo/PR

 A Comissão julgadora de crônicas e poemas temáticos foi composta pelos profissionais:

1- Jeferson Luiz Cadamuro Nunes, servidor da 2ª Vara do Trabalho de Maringá/PR, escritor, compositor, poeta, ocupante da cadeira nº 12 da Academia de Letras de Maringá (Patrono: Cruz e Souza).

2- Luiz Antônio Ricci de Almeida, médico legista de Paranavaí.

3- Regina Maria Torrezan de Souza, graduada e especialista em Letras, professora da Unespar – Universidade do Estado do Paraná, membro fundadora da Academia de Letras e Artes de Paranavaí, ocupante da cadeira nº 10 (patronesse Cecília Meireles).

A academia de letras e artes de Paranavaí e a Santa Casa realizarão um jantar no dia 29 de Outubro, dia da poesia, para entrega da premiação aos escritores selecionados.


Transição governamental transparente: segurança para o cidadão

Por Gustavo Bressan

Screenshot_2016-10-08-14-48-19-1-1

Os instrumentos regulatórios para estimular a eficiente transição governamental no âmbito municipal partem da Lei nº 10.609, de 20 de dezembro de 2002, pelo Decreto nº 4.298, de 11 de julho de 2002, Lei Complementar nº 101/00 (Lei de Responsabilidade Fiscal – LRF) e na Lei nº 9.504/97 (Lei Eleitoral), principalmente. Em âmbito estadual o Tribunal de Contas dos Municípios do Estado sob coordenação da Escola de Contas, publicou em maio (2016) o Guia de Orientação aos Gestores Municipais em Encerramento de Mandato apresentando temas específicos sobre o encerramento da administração e os cuidados principalmente em relação à Lei de Responsabilidade Fiscal. Desta forma, espera-se do atual gestor público a adoção de medidas que tornem o processo transparente e informativo de todos os setores da administração, assegurando ao novo gestor o acesso aos dados, explicações e informações necessárias à implementação do programa do novo governo de forma a garantir a eficiente continuidade administrativa considerados princípios como impessoalidade e moralidade, previstos na Constituição Federal de 1988.

A transição governamental orienta que o chefe do Poder Executivo em fim de mandato informe ao candidato eleito todas informações de projetos e os programas em andamento, para que possa conhecer, avaliar e orientar as ações necessárias à implantação do novo programa de governo. Devem ser observados aspectos como a prestação de contas, transparência da gestão, acesso às informações públicas, continuidade dos serviços prestados à sociedade, garantindo o interesse público.

Dessa forma, o cidadão tem assegurado a transparência das ações públicas e a garantia da continuidade de projetos e programas federais, estaduais e municipais em execução. Em Una, não deverá ser diferente. Se fala que a atual gestão planeja construir um Polo Industrial, e especialmente uma instalação da fábrica de motos que vislumbra a geração de centenas de empregos em nosso município, e ainda de obras em andamento como a construção do Posto de Saúde e da Creche Municipal do Distrito de Colônia. Por isso, assegurar os direitos fundamentais do cidadão em saúde, educação, segurança, ação social é garantir a melhoria da qualidade vida da população.