Barragem do Rio Colônia entra em fase de testes

Barragem vai beneficiar a região de Itabuna que sofreu recentemente com água salgada

A Barragem do Rio Colônia, em Itapé, construída pelo Governo da Bahia, está com 96% das obras concluídas, com a montagem dos equipamentos hidromecânicos, que é a execução das comportas. A barragem já está em fase de testes, com o início da reservação de água.

A barragem possui eixo com comprimento de 124 metros e altura de 21,4 metros e quando atingir o nível mais alto possuirá volume total de mais de 62 milhões de metros cúbicos de água. Além de garantir o abastecimento de água para os cerca de 230 mil moradores de Itabuna e contribuir para a atração de novos empreendimentos, a barragem minimizará ainda o problema das enchentes que inundam parte da cidade de Itabuna e melhorará as condições sanitárias do Rio Cachoeira.

A obra inclui ainda a mudança do traçado da Rodovia BA-120, que liga Itapé a Itajú do Colônia, relocação de linhas de energia, e construção de casas para as famílias que ocupam a área que formará o espelho d´água. O valor total de investimento é R$ 108.498.283,00.

Barragem do Rio Colônia

Informações da Secom do Governo do Estado

Moradores de Itabuna sofreram  meses com água salgada

Mais uma das promessas do governador Rui Costa está para se cumprir. Com o breve início de atividades da Barragem do Rio Colônia cidade poderá respirar aliviada. A expectativa da população é que nunca mais eles sofram com problemas recentes que tiveram com a água do Rio Cachoeira.

No auge da crise hídrica, os moradores abriam as torneiras de suas casas e água saia completamente salgada. Isso ocorreu porque o alto índice de cloretos que havia na água estava alto. Até as pessoas com hipertensão, foram alertadas para não consumir a água.

Diversos moradores tiveram que comprar garrafões de água mineral para poder cozinhar e beber água.


Comentários fechados.